quarta-feira, 6 de maio de 2009

Dos seguranças



Há uma nova praga na cidade: os seguranças. Estão por todo o lado, com os seus uniformes marciais e caras de pau. São os novos cães de guarda urbanos, mas em mais cobarde. Fogem dos ladrões e apoquentam o cidadão pacato. Só ladram a quem está só e fragilizado.

1 comentário:

Odracir disse...

e são como cogumelos: sociedade securitária, que é como quem diz sociedade amedrontada! (que o medo dá imenso jeito para o respeitinho)

Arquivo do blogue