quarta-feira, 13 de maio de 2009

Pura realidade

Tinha acabado a minha visita à Feira do Livro e estava cansado. Toda a gente sabe como é extenuante percorrê-la toda. Apetecia-me por isso, sentar-me à sombra das árvores para avaliar melhor as minhas compras.
Vi, ao longe, um parque infantil com mesas vazias e alegrei-me. Quando ia a entrar, porém, uma mulher com muito mau aspecto veio direita a mim e rosnou: «Este local está reservado a pessoas acompanhadas por crianças».
Perrguntei-lhe se aquele espaço era privado e respondeu-me que era da Câmara. É, portanto, mais um espaço, como muitos outros na cidade de Lisboa, pagos por mim, com o dinheiro dos meus impostos, mas onde não posso pôr os pés.
Já somos todos pedófilos? Eternos suspeitos? Quanto tempo falta para que nos coloquem grilhetas nos pés?

1 comentário:

maísha disse...

e ainda por cima corridos por mulheres de mau aspecto!! é o fim da macacada!!! :-)

Arquivo do blogue