quinta-feira, 28 de abril de 2011

Alejandro Chaskielberg


O prémio L'Iris D'Or de melhor fotógrafo do ano, atribuido no âmbito do Sony World Photography Awards, foi este ano para Alejandro Chaskielberg. O fotógrafo argentino, de 34 anos venceu o concurso com um trabalho intitulado «La creciente», sobre a comunidade de habitantes das ilhas do delta do rio Paraná, a poucos quilómetros de Buenos Aires. Para realizar aquele trabalho, Chaskielberg mudou-se para as ilhas e viveu com as famílias durante dois anos. A série «La creciente» foi escolhida entre mais de cem mil imagens, de 162 países diferentes. O fotógrafo vai receber cerca de 17 mil euros.

Sem comentários:

Arquivo do blogue